O que fazer em Pequim – Templo do Céu

Resumo

O que é, História, O que fazer e Como chegar.

——————————————————————————————————————————————————————

Fiz uma viagem de 15 dias em Pequim, capital da China no ano de 2011. E por ter sido uma viagem inesquecível, achei que não poderia deixar de falar sobre ela por aqui 🙂

Aqui, você pode ter acesso aos demais posts sobre o que fazer em Pequim.

Todos os posts falam sobre lugares pelos quais passei e conheci. E as informações sobre cada um deles, foram validadas na internet. Então, não tem informação passada!

Neste post específico, falarei sobre o Templo do Céu.

O que é o Templo do Céu

Templo do Céu, Temple of Heaven, ou Tiantan, é um complexo de templos taoístas, o maior do seu gênero em toda a China, e fica no parque Tiantan Gongyuan, ao sul de Pequim.

Corredores do Templo do Céu
Corredores do Templo do Céu

Era utilizado para pedir a intercessão celestial para as colheitas na Primavera, e para dar graças ao Céu pelos frutos obtidos no Outono. Possui ao norte, a Sala de Oração pelas Boas Colheitas, e ao sul, o Altar Circular e a Abóboda Imperial Celestial.

O passeio para o Templo do Céu é de aproximadamente um dia. O parque é muito grande (167 hectares), e os templos não estão necessariamente um ao lado do outro.

Corredores do Templo do Céu
Corredores do Templo do Céu

Além de conhecer um pouco sobre a história chinesa, você entra em contato com o povo local e conhece o principal templo de Beijing!

História do Templo do Céu

O complexo do Templo do Céu foi construído em 1420, pelo Imperador Yongle (o mesmo que construiu a Cidade Proibida), o terceiro imperador da Dinastia Ming.

E teve seu tamanho estendido pelo Imperador Jiajing, o décimo primeiro imperador da mesma Dinastia.

Templo do Céu
Templo do Céu

O complexo do Templo do Céu só foi aberto ao público em 1918, e desde 1998, é considerado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

O complexo de templos está rodeado por uma muralha interior, e outra exterior, em formato retangular, para simbolizar a terra. E estão rematadas com formas arredondadas para simbolizar o Céu. As muralhas dividem o recinto em duas zonas: a interior e a exterior.

Na China antiga, o Imperador da China era reconhecido como o filho do céu, aquele que teria autoridade divina para administrar assuntos terrenos.

Templo do Céu
Templo do Céu

Para isso, foi construído o complexo do Templo do Céu, para que os imperadores chineses realizassem cerimônias, preces, e sacrifícios, pedindo boas colheitas aos céus.

Duas vezes ao ano, o imperador se movia da Cidade Proibida para o complexo do Templo do Céu. E era acompanhado apenas por seus funcionários, e súditos. Outros cidadãos comuns, não tinham permissão para acompanhar a cerimônia.

O que fazer no Templo do Céu

Quando for comprar seus tickets para entrar no Templo do Céu, compre tickets que permitem sua entrada ao parque, e aos templos. Que ficam espalhados por todo o parque.

O parque é bastante frequentado por turistas, e principalmente por locais! Foi um dos primeiros lugares de Beijing que conheci, e me senti realmente na China. Pudemos presenciar muitas manifestações culturais e sociais dos chineses, como:

Esse casalzinho que colocou uma caixa de som tocando música chinesa, e ficou dançando no parque.

Templo do Céu
Templo do Céu
Templo do Céu
Templo do Céu

Esse senhor que ficou mexendo o bigode postiço para a gente, fazendo graça.

Templo do Céu
Templo do Céu

Esse grupo de senhorinhas dançando juntas ao som de uma música chinesa.

Templo do Céu
Templo do Céu

Esse velhinho contorcionista, que você não imagina de onde tirou tanta elasticidade.

Templo do Céu
Templo do Céu

Grupos de pessoas jogando peteca, e brincando de acertar argolas na cabeça do outro. Inclusive entrei na brincadeira da argola! Nem precisei me comunicar verbalmente, foram muito receptivos, e foi super legal!

Templo do Céu
Templo do Céu

Esses velhinhos sentados em vários cantinhos do parque, para jogar diversos jogos chineses, como o Mahjong. Ou também para jogar baralho, e fazer crochê.

Templo do Céu
Templo do Céu

Essas pessoas fazendo uma cantoria chinesa que emocionava os locais que estavam por perto. Não tenho ideia do que cantavam, mas sei que muita gente se aglomerou, e ouvia a canção com emoção.

Templo do Céu
Templo do Céu

Pessoas fazendo Tai Chi Chuan.

Templo do Céu
Templo do Céu

Tinha de tudo! Era muita gente espalhada por todos os cantos, e fazendo das mais variadas coisas.

Templo do Céu
Tinha até neném de bumbum de fora.

Lá na China, os bebês ficam de bumbum de fora, para fazerem seu xixi e coco sempre que precisarem. Eles não usam fraldas. Diferente, né?

O parque também tem restaurantes, lanchonetes e lojinhas. E permite que você passe o dia inteiro lá.

Sala da Oração pelas Boas Colheitas

Sala da Oração pelas Boas Colheitas
Sala da Oração pelas Boas Colheitas

Este templo trata-se de uma construção circular com altura de 38 metros. Foi construído sobre três terraços circulares de mármore branco, e ergue-se sobre 28 pilares de madeira e muros de ladrilho, sem nenhuma viga.

Sala da Oração pelas Boas Colheitas
Sala da Oração pelas Boas Colheitas

Sua construção original foi derrubada por um incêndio em 1889.

Altar Circular

O Altar Circular, ou Altar do Céu, é uma construção aberta que se liga à Sala da Oração pelas Boas Colheitas mediante um caminho de pedra e ladrilhos de mais de 350 metros de comprimento.

Foi construído em 1530, e no altar constam três terraços rodeados de varandins de mármore branco.

Altar Circular
Altar Circular

Cada lanço das escadas que conduz ao topo do altar é formado por 9 degraus, pois os chineses consideram que o número 9 dá boa sorte.

A acústica especial do lugar permite que, se alguém fala no centro do altar, o som aumente e se escute em todos os locais da sala.

Abóboda Imperial Celestial

Aqui, os imperadores prestavam homenagem aos seus antepassados. Trata-se de uma construção muito parecida à Sala da Oração pelas boas colheitas, mas com tamanho menor, 19 metros de altura.

Abóboda Imperial Celestial
Abóboda Imperial Celestial

A abóboda está rodeada pelo muro de eco, onde uma pessoa pode colocar-se em qualquer ponto do muro e a sua voz será ouvida claramente no ponto oposto. O som se transmite ao longo da superfície da parede.

Como chegar ao Templo do Céu

O Templo do Céu está localizado no Distrito de Dongcheng, que faz parte do Distrito de Chongwen. O parque fica aberto diariamente das 6h às 22h, e os templos ficam abertos diariamente das 8h às 17h30.

Para chegar ao Templo do Céu, pode-se pegar a linha de metrô 5 e descer na Estação Tiantandongmen, para entrar pelo portão Leste. Ou os ônibus 25, 36, 208, 525, 610, 685, 686, 723, 827, 829, 957 e 958.

Para entrar pelo portão Oeste, pode-se pegar os ônibus 2, 15, 17, 20, 35, 36, 69, 71, 120, 203, 504, 707, 729 e BRT1.

Pelo portão Norte, pode-se pegar os ônibus 6, 34, 35, 36, 106, 110, 687 e 707. E pelo portão Sul, os ônibus 36, 53, 120, 122, 208, 525 e 958.

Autor do Post
Mari Sanefuji
Joseense de 24 anos, que há 6 anos decidiu se mudar para São Paulo para trabalhar no ramo da Publicidade como Gestora de Mídias Sociais. Posso me descrever como uma mente inquieta sempre em reflexão sobre o mundo, e sobre a mim mesma.

Quer deixar um comentário?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top