25 dias na Colômbia – Dia 04 em Cartagena de Índias

Resumo do Relato Completo

Planejamento do mochilão pela Colômbia: Roteiro, Previsão dos Gastos, História, Geografia, Economia, Migração, Cultura, Câmbio, Informações Importantes e Curiosidades da Colômbia

Dia 04: Como sair do aeroporto, Onde se hospedar, Onde comer, Informações de Cartagena de Índias, História de Cartagena de Índias, Cidade Murada, Primeira Noite em Cartagena de Índias

Dia 05: Café Juan Valdez, Onde trocar dinheiro, Bairro Getsemani, Castillo San Felipe de Barajas, Convento de la Popa, Por do sol em Cartagena de Índias e Arepas Colombianas

Dia 06: Favela Tierrabomba, Alergia do sol, Último dia em Cartagena de Índias
————————————————————————————————————————————————————–

Estávamos em San Andres, e era dia de pegar voo para Cartagena de Índias. Nosso voo era 12h55.

No aeroporto foi tudo muito rápido. O aeroporto de San Andres é muito pequeno e tumultuado.

Almoçamos 2 empanadas de carne, 1 pastel de carne, 1 palito de presunto e queijo, um refrigerante, uma água, e pagamos 22.700 COP (R$37).

Aeroporto de Medellin
Aeroporto de Medellin

Nosso voo para Cartagena de Índias tinha conexão em Medellin, onde tivemos que esperar durante 2 horas para pegar o próximo voo. No total, nossa viagem durou 5 horas.

Chegamos em Cartagena às 18h (lá é +1 em fuso horário comparado a San Andres).

Lanchinho do avião
Lanchinho do avião

Como sair do aeroporto de Cartagena de Índias

Existem várias formas de sair do aeroporto de Cartagena de Índias:

  1. Metrocar – é um ônibus urbano, normal, que você pega em ruas próximas ao aeroporto, e que te deixam em diversos pontos da cidade. A passagem custava 2.000 COP por pessoa (R$3,30).
  2. Táxi no aeroporto – um táxi normal, e caro, que sai diretamente do aeroporto.
  3. Táxi na rua paralela à rua do aeroporto – um táxi normal, mas que só por sair de um lugar diferente, fica um pouco mais barato. Custou 6.000 COP a corrida (R$10).

Como bons mochileiros, nossa ideia era pegar o Metrocar.

Mas as informações sobre onde pegar o bendito Metrocar eram muito confusas, não conseguíamos entender muito bem para onde os colombianos estavam nos indicando ir.

Metrocar
Metrocar (Fonte: juanballena.com)

A questão é que chegamos em um ponto de ônibus que parecia ser onde devíamos pegar o Metrocar, e os colombianos acabaram nos recomendando pegar um táxi ali mesmo.

Pois era muito mais barato do que pegar no aeroporto, e o ônibus podia demorar. Pagamos 6.000 COP (R$10), para os dois.

Os táxis em Cartagena de Índias não possuem taxímetro, então o preço é combinado com o taxista. Choramos bem, e no final, pagamos um preço bom, como pode ver.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Observação: não sabemos porque, mas o Google Maps não tem registrados os nomes das ruas da maioria das cidades colombianas.

Por isso todas estão como “Calle 03”, “Carrera 04”. Mas estes não são os nomes delas. Passamos um aperto perguntando onde ficavam essas ruas para os colombianos, rs.

O Aeroporto Internacional Rafael Nuñez fica bem perto da Cidade Amuralhada, levou cerca de 15 minutos para chegar no hostel onde iríamos nos hospedar.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Onde se hospedar em Cartagena de Índias

Existe uma cidade inteira para se hospedar, mas os turistas normalmente se hospedam em dois lugares:

  1. Cidade Murada – onde ficam os principais pontos turísticos de Cartagena, e o cartão postal da cidade. Tem muitos hostels, hotéis, restaurantes, cafés, comércio, muita estrutura. E dá para fazer tudo a pé.
  2. Getsemani – já foi um dos bairros mais perigosos de Cartagena, mas hoje virou ponto de encontro de mochileiros. Lá tem muitos hostels, casas noturnas, bares, e alguns comércios. Fica do lado da Cidade Murada, e é uma opção mais barata para se hospedar (fomos descobrir isso só depois).
Makako Chill Hostel
Makako Chill Hostel

Nós havíamos reservado duas camas em quarto compartilhado para 10 pessoas no Hostel Makako Chill na Cidade Murada.

Makako Chill Hostel
Makako Chill Hostel

Em geral, as acomodações em Cartagena eram um pouco caras, principalmente se você quisesse se hospedar na Cidade Murada.

Como estávamos a fim de fazer quase tudo a pé, e queríamos economizar, não pegamos o melhor dos hostels da cidade, e acabamos pagando 34.900 COP cada a diária (R$58).

Makako Chill Hostel
Makako Chill Hostel

O Makako Chill Hostel era muito simples!

A recepcionista não tinha nem computador, coitada, anotava as reservas em um caderno.

Tinha alguns quartos, uma cozinha simples, e duas salas, onde em uma delas tinha um sofá, uma televisão, sacadinha e mesa, e na outra apenas um sofá.

O nosso quarto era um quarto normal de hostel, com ar condicionado (uma condição MUITO importante para Cartagena de Índias), um banheiro e várias beliches.

Makako Chill Hostel
Makako Chill Hostel

Mas quando entramos nele, sentimos um FEDOR…

Até hoje não sabemos ao certo porque estava fedendo, mas suspeitamos que era um menino europeu… Sabe quando a pessoa vai embora e o cheiro some? Pois é…

Makako Chill Hostel
Makako Chill Hostel

Enfim, deixamos nossas coisas lá, e saímos para conhecer a Cidade Amuralhada.

Pedimos uma recomendação de lugar barato para jantar à moça do hostel, e ela nos indicou um restaurante perto do hostel (que não era lá tão barato assim).

Onde comer em Cartagena de Índias

A moça do hostel havia nos indicado o restaurante do Alex, que custava 17.000 COP (R$28) um prato individual.

Somos muito pão duros para gastar com comida, além de buscarmos preços mais acessíveis, ainda dividimos o prato (pedir dois pratos individuais sempre sobra comida!).

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Então acabamos pedindo um prato individual, e duas cervejas que deram no total 28.000 COP (R$46 – incluímos nesse valor a gorjeta).

Já havíamos lido que era caro comer em Cartagena, e ficamos assustados com a recomendação “barata” da moça do hostel.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Dentro da Cidade Amuralhada tem muitos restaurantes caros mesmo, mas no dia seguinte descobrimos que lá também tinha subway, e uns butequinhos. Fica a dica!

Informações de Cartagena de Índias

Cartagena de Índias é capital do Departamento de Bolívar, e está localizada a pouco mais de mil quilômetros de Bogotá, a capital da Colômbia.

A cidade é famosa por ser uma das cidades mais antigas da América do Sul, preservando toda a sua história através da arquitetura. Arquitetura esta que fica a beira do Mar do Caribe, na Baía de Cartagena.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

A região metropolitana de Cartagena de Índias tem uma população de 1,25 milhões de habitantes, e é a quinta maior área urbana da Colômbia.

Hoje, a cidade se divide em duas partes: histórica e moderna, onde a histórica é a parte mais visitada entre os turistas. Esta que embora esteja longe das praias bonitas do Caribe, é cercada por 8km de muralhas.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

A temperatura média da cidade é de 31 graus, uma cidade úmida e MUITO quente. É de passar o dia inteiro com calor, mesmo!!

História de Cartagena de Índias

Considerada Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade pela Unesco, Cartagena de Índias é apreciada por todo o mundo devido a preservação da sua história colonial.

Mas não podemos nos esquecer da história que existiu na região, antes da colonização espanhola…

Cartagena de índias
Cartagena de índias

A primeira cultura existente, que a arqueologia conseguiu datar no local, foi a cultura de Puerto Hormiga. Estima-se que ela existiu ali por volta de 4000 a.C.

Sociedades primitivas habitavam a região devido a seu clima ameno e a abundância de vida silvestre, que permitiu aos habitantes caçadores uma vida confortável.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Após a cultura de Puerto Hormiga, houveram muitas outras, como a Monsú, que fazia uso da cerâmica e tinha uma economia mista de agricultura e manufatura básica.

Depois a cultura de Sinú, Karib, Arawak, e muitas outras. A cultura indígena em Cartagena das Índias era riquíssima, e existem muitos artefatos espalhados entre museus, que mostram toda a cultura da época.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

E foi no ano de 1533, que o espanhol Dom Pedro de Heredia invadiu a região e criou a cidade de Cartagena das Índias. A cidade foi chamada assim devido à cidade homônima da região de Múrcia, na Espanha.

Sua muralha foi construída para proteger o porto que já foi o porto mais importante da América, de ataques de piratas.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Cartagena também teve papel fundamental na administração e na expansão do Império Espanhol nas Américas, e foi a entrada principal de escravos negros em todo o continente.

Cidade Murada de Cartagena de Índias

Em Cartagena das Índias estava instalado o principal porto caribenho da América do Sul, e para protegê-lo de piratas, exércitos, e estrangeiros, foi construída uma fortificação envolvendo toda a cidade pela colônia espanhola.

O que durou aproximadamente 200 anos para concluir a construção.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Hoje, as muralhas dessa fortificação não envolvem toda a Cidade de Cartagena das Índias, e também não se manteve toda a extensão inicial.

Mas a extensão que se mantém até hoje, é bastante preservada e cria uma espécie de cidade especial em Cartagena das Índias, a Cidade Murada.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

A Cidade Amuralhada de Cartagena de Índias é um espaço especial dentro da cidade colombiana. Mas é também um espaço bem pequeno…

Em uma noite já havíamos conseguido conhecer quase tudo que fica dentro dela!

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Ela é também um espaço lindo, história viva, que conserva muito bem seus patrimônios históricos e construções. É cartão postal da Colômbia!

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Tem um ar idílico à noite, com suas meia luzes amarelas, shows de dança e música ocorrendo por sua extensão, artesanatos sendo vendidos à rodo, carruagens carregando turistas, vendedores ambulantes desesperados para vender bijuterias, chapéus, comidas, bebidas…SENHOR, SENHOR, SENHOR!

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Cartagena de Índias é sem dúvidas um lugar especial, mas alguns pensamentos que nos ocorreram enquanto estávamos lá, nos deixaram um pouco desconfortáveis com o local.

Nossa impressão sobre Cartagena de Índias

Como podem ver através de nosso blog, ocorre que nossos destinos preferidos são aqueles que envolvem a natureza.

Logo, os destinos muito urbanos, nem sempre são aqueles que mais nos apetecem.

Nós gostamos de Cartagena de Índias, mas achamos que 3 dias na cidade foram demais para nós…

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Como mochileiros que curtem gastar pouco, entrar em contato com a cultura local, e sentir a natureza, Cartagena de Índias não nos ajudou muito nestes pontos.

A Cidade Murada, e os entornos da mesma, tem pouca extensão comparados ao restante da cidade.

Cartagena é muito grande, e o restante dela é bem diferente do que vemos dentro da cidade murada.

Cartagena de índias
Cartagena de índias

Uma cidade como muitas outras na América do Sul, cheia de desigualdade.

Dentro da Cidade Murada existem muitos hotéis e restaurantes caros, logo, é um lugar ótimo para quem quer gastar com isso. Para quem gosta de passar horas em experiências gastronômicas, e relaxar em hotéis.

Lá você encontra mais estrangeiros do que colombianos, e a maioria dos colombianos que você encontra estão tentando vender todo e qualquer tipo de coisa.

Cartagena de Índias
Cartagena de Índias

O mais triste é enxergar expressões de pessoas desesperadas em vender seus produtos.

Não nos sentimos confortáveis lá dentro.

Nossa impressão foi que estávamos em uma colônia de férias para estrangeiros, fazendo colombianos trabalharem para nós.

Cartagena de Índias
Cartagena de Índias

A imersão cultural na parte turística da cidade, é quase 0. Pudemos compreender muito melhor a cultura colombiana em outras cidades…

Primeira noite em Cartagena de Índias

Em uma noite você consegue conhecer praticamente toda a cidade murada de Cartagena de Índias.

Torre del Reloj
Torre del Reloj

Nós havíamos acabado de chegar mas já havíamos passeado bastante por lá.

Torre del Reloj
Torre del Reloj

Andamos por entre as fortificações, entre as ruas, passamos por ambulantes, lojas, restaurantes, fomos abordados por carroças de cavalos, assistimos a shows de danças… Uma noite intensa!

Cartagena de Índias
Cartagena de Índias

Encontramos alguns mochileiros, e poucos locais (a maioria estava trabalhando), mas muitas pessoas prontas para sair para jantar, para ir para alguma festa… As pessoas em sua maioria estavam bem arrumadas.

Cartagena de Índias
Cartagena de Índias

Doug pegou uma cervejinha por 3 mil COP com um ambulante, e curtimos a volta para hostel… Estávamos cansados, e precisávamos dormir!

Autor do Post
Mari Sanefuji
Joseense de 24 anos, que há 6 anos decidiu se mudar para São Paulo para trabalhar no ramo da Publicidade como Gestora de Mídias Sociais. Posso me descrever como uma mente inquieta sempre em reflexão sobre o mundo, e sobre a mim mesma.

COMENTÁRIOS

2 COMENTARIOS
  1. escrito por
    25 Dias na Colômbia – Dia 05 em Cartagena de Índias
    abr 22, 2017 Responder

    […] Dia 04: Como sair do aeroporto, Onde se hospedar, Onde comer, Cidade Murada, Primeira Noite em Cartagena de Índias […]

  2. escrito por
    25 Dias na Colômbia – Dia 06 em Cartagena de Índias
    abr 22, 2017 Responder

    […] Dia 04: Como sair do aeroporto, Onde se hospedar, Onde comer, Cidade Murada, Primeira Noite em Cartagena de Índias […]

Deixe uma resposta

Top